Enquanto a sobrinha dormia

Aconteceu, no natal de 1997, um fato
que, no futuro, veio a se confirmar como um excelente
presente. Sem que eu fosse previamente informado, apareceu
em minha casa uma sobrinha de minha mulher que, desejando
mudar um pouco de ares e criar alternativas de crescimento
intelectual e profissional, deixou a casa dos pais e
veio nos pedir acolhida. Luana, a indigitada sobrinha,
acabara de completar então dezoito anos, embora
não aparentasse mais de 15. Moreninha, baixinha,
medindo mais ou menos 1,60 de altura, pernas grossas,
seios médios, durinhos, a garota chamava a atenção,
despertando, desde logo, o desejo de quem a olhasse.

Como praticamente não havia alternativa, a acolhemos
e passamos a nos adaptar àquela nova companhia.
Não demorei muito a me acomodar à “estranha”,
até porque, dentro de casa ela costumava andar
sempre à vontade, com pouca roupa, expondo de
forma sensual e tentadora o seu corpo e a sua intimidade.
Aquilo despertava o meu tesão que, no entanto,
era contido pela idéia de ser flagrado por minha
mulher. Por diversas noites, em momentos diversos, ao
me levantar para ir à cozinha, passava na frente
do quarto de Luana e a encontrava a porta apenas encostada,
levemente entreaberta. Aquilo aguçava a minha
curiosidade e me fazia parar, abrir um pouco mais a
porta, bem devagar, apenas para poder mirar discretamente
o interior. Algumas vezes pude ver que a minha querida
sobrinha dormia completamente nua, de bruços,
bundinha à mostra, levantada.

A sensação que aquilo
me causava era enorme. O meu tesão crescia de
imediato. Ao retornar ao quarto "atacava"
minha mulher e a fodia sempre pensando na bocetinha
de minha hóspede. À medida que o tempo
passava, para minha felicidade, a nossa intimidade aumentava
e ela, muito expansiva, sempre criava facilidades maiores
aos nossos contatos. Não demorou muito e eu já
a abraçava apertado e, às vezes, me encostava
nela por trás ao encontrá-la despreocupada
(ou fingindo que estava!) e encaixava o meu membro em
seu traseiro sentindo a deliciosa sensação
de suas carnes rijas, quentes. Ela sorria e sem maiores
reações aceitava a intimidade, retribuindo
os meus abraços. Aquilo me deixava sempre pronto,
mas tinha um certo temor de ir adiante e de estar interpretando
equivocadamente a reação da garotinha.

Em determinado dia, ao chegar em casa
mais tarde, após um longo dia de trabalho, encontrei
Luana dormindo no sofá da sala, sozinha. A visão
que ela me proporcionava me deixava sem fôlego.
Vestindo uma camisola preta, de seda, curta, deixava
à mostra suas coxas roliças e delineava
os contornos de seu delicioso traseiro. Olhei aquela
imagem inesperada e meu pau endureceu de imediato. Aproximei-me
mais e mexi com ela como se desejasse acordá-la
e levá-la para o seu quarto. Na verdade apenas
testava mesmo o seu sono. Ela não deu sinal de
haver percebido a minha presença. Aquilo aumentou
o meu desejo e fez com que meu membro vibrasse forte
dentro da cueca e da calça que eu ainda vestia.
Toquei o seu traseiro por cima da camisola e fiz com
que minha mão deslizasse por seu corpo suavemente,
sentindo o calor de sua pele. Levantei a camisola e
quase esporrei na cueca: ela estava completamente nua
por baixo. A bocetinha pequena, sem pelos, rachadinha
ao meio, apresentava-se convidativa, querendo ser fodida.
Aquilo me desconcertou completamente e me tirou do sério.
A minha vontade era simplesmente a de fodê-la
de imediato, metendo-lhe fundo o meu membro que, a essa
altura, já não tolerava mais esperar.

Toquei-lhe a bocetinha com um dedo
e, devagar, fui invadindo o seu interior.... ela estava
molhadinha, mostrando que, embora dormindo, sentia o
meu toque. Não esperei mais e não resisti
à tentação. Saquei o meu membro
rijo e latejante e me deitei, bem devagar, por cima
da garota, mas sem querer acordá-la. A minha
sensação estava no fato de estar ela dormindo.
Queria comê-la sem que ela participasse ou percebesse.
O pau saltava fora da calça, completamente duro,
em riste, pronto para invadir o interior daquela gruta
morna que ainda não sabia se era virgem ou não.
Mas isso não importava, queria apenas esporrar
naquela bunda, naquelas coxas ou até dentro daquela
grutinha. Apoiando o meu corpo apenas em um braço,
deitei-me por cima daquela bunda e guiei o meu membro
duro para a bocetinha. Afastei um pouco as pernas da
garota e ví a bocetinha se entreabrir um pouco
mais. Encostei nela a cabeça vermelha do meu
pau e fiquei sentindo o calor que emanava daquela fenda.

A garota continuava dormindo, ou fingia
que dormia. Eu continuei esfregando o meu pau em sua
bocetinha, sentindo-a molhada, pronta para ser invadida.
Não me fiz de rogado e meti a cabeça devagar.
Como a bocetinha estava molhada, a cabeça do
membro deslizou suavemente para dentro da fenda daquela
gatinha. Senti que ela empinava mais ainda o traseirinho,
me proporcionando melhor contato e me permitindo avançar
mais facilmente boceta a dentro. Meti mais um pouco
o caralho enrijecido e pude sentir a deliciosa sensação
daquela bocetinha apertada e quente envolvendo o meu
mastro. Empurrei mais e ele entrou fundo. Colei o meu
púbis na traseira carnuda da garota e permaneci
nesse posição por alguns instantes, sentindo
o contato delicioso que ela me proporcionava.

A bundinha dela estava anda mais arrebitada,
oferecida, o que me facilitava a invasão de sua
bocetinha apertada e úmida. Iniciei, vagarosamente,
movimentos de vai-e-vem, entrando e saindo da xaninha
safada que, sem dúvida, sabia do que estava acontecendo
e participava de forma disfarçada. Metia e tirava
o meu membro completamente duro e pulsante daquela bocetinha
deliciosa, quando percebi que estava prestes a gozar.
Nesse momento a minha sensação foi amplificada
por contrações da vagina de Luana. Senti
que ela também chegara ao orgasmo, embora sem
se declarar. Quando começava a esporrar dentro
da bocetinha, tirei o meu mastro e deixei o meu líquido
quente e grosso escorrer por suas nádegas. Ela
rebolava devagar, disfarçadamente, me proporcionando
enorme e inesquecível prazer. Gozei como nunca
antes havia gozado. Após o gozo, me levantei
lentamente e saí de cima de Luana, limpando a
porra que ficara em sua bundinha deliciosa. Arrumei
a sua camisola e, de pau satisfeito, retirei-me para
o meu quarto.

A partir desse dia, passei a
comer Luana quase que diariamente, mas sempre com ela
fingindo que dormia. Isso era delicioso. Me causava
a sensação de algo duplamente proibido,
embora sentisse que ela participava disfarçadamente
de tudo.

 

Opções de exibição de comentários
Escolha seu modo de exibição preferido e clique em "Salvar configurações" para ativar.

INCRIVEEELLL


Caracas isso que é conto... quem dera eu ter uma oportunidade dessa.... pow manda mais ae cara!!!

Enviar novo comentário
O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
6 + 2 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4

Sou Maite Schneider, atriz profissional (DRT 24564 - SATED-PR) , poetisa, escritora, depiladora, trabalho com TV e rádio, webdesign e lutadora por um mundo em que as pessoas possam ser elas mesmas, sem medo de arrancarem seus direitos e até perderem sua vida.
O site é atualizado várias vezes por dia e este trabalho é feito pensando em você.
Conte sempre comigo no que precisar. Basta usar nossa linha direta que é casadamaite@gmail.com

 

BLOG da Maite
Curitiba - de 2 a 27 de setembro - "AAASSS" - o novo espetáculo de Maite Schneider e Rainha de 2 cabeças - GRATIS
Fundação Cultural abre inscrições para curso de canto para ópera até 26/8- GRATIS
ESCRAVAGINA estreia em Assis no dia 05 de agosto.... venha libertar-se..... PAREMOS A TRANSFOBIA....
Unifesp tem 680 vagas para curso gratuito de especialização - inscrições até 15 de julho
Teatro Oficina abre a chance de participar de sua nova montagem - inscrições até dia 08 de julho
De 15 a 5 de julho, Curitiba recebe "Curitiba Restaurante Week".... vamos???
Cursos online e gratuitos em 6 ótimas universidades da França
USP oferece curso gratuito e online para aprender Libras
CAIXA abre seleção pública para patrocínio cultural. O investimento é de até R$ 54 milhões
Pina Bausch Foudation oferece subsídios para residência artística no exterior
Microsoft oferece 15 cursos online e gratuitos em português
Dias 28, 29 e 30 de agosto em Curitiba - II Seminário Nacional de Lésbicas Negras e Bissexuais. Garanta sua inscrição AGORA
Momentos mais que especiais com minhas amizades que tanto amo - parte 18
MInha familia - meu maior tesouro - parte 4
Os 10 países com mais estádios
As 10 maiores empresas de mídia do mundo 2015
As 10 cidades mais nerds do Brasil
CPATT em Curitiba faz tratamento gratuito de acompanhamento para transexuais e travestis, à partir dos 16 anos de idade.
Neste atual círculo de ódio....a tolerância não tem vez.
Um jeito infalível para saber se um brinquedo é para meninos ou meninas
Jovens solidários e unidos ajudam a segurar uma parede inteira
Maite Schneider num bate-papo sobre diversidade na laje da UTFPR
Maite Schneider mostra "Sonho de uma noite de verão" com direção de Marcyo Luz
Maite Schneider mostra a melhor limpeza de pele de Curitiba - BOIGER Beaty Center
Coral LGBT de Curitiba convida pessoas (mesmo que não sejam cantores) a participar de suas atividades. Venha.. é GRÁTIS e do BEM
Depilação dói mesmo????
As 10 empresas do mundo que mais ganharam dinheiro
Você prefere Google ou Twitter???? Tem que usar de sinceridade, ok???
O que os olhos não veem, eu recebo por whatsapp - Transpiração 1
Um pau duro é sempre sincero - Conselhos da Maite
Viagra é para disenteria?
Beto Richa ganha o prêmio de melhor ator por sua atuação de sofrência
Meu suicídio como artista "PROFISSIONAL" na linda Curitiba do maior Festival de Teatro do Brasil
Evite câncer testicular... é hora de pegar no seu SACO
Até 14 de junho as inscrições para o 2º Festival de Cinema On-line. Participe!!
Travesti de 28 anos .. de Aracaju.. com foto.. procura por relacionamento sério
Livrarias Curitiba abre concurso de contos - inscrições até dia 31 de maio. Participe!!!
19 de maio - 2ª audiência pública da Diversidade sexual em Peruibe... palestra com Laerte, Marcia Rocha, Leci Brandão e mais
Maite Schneider é fotografada para exposição 40X40 do produtor Victor Sálvaro, ao lado de diversas personalidades
Comemoração do dia do trabalho.... com um mar de sangue em Curitiba
No Massacre contra os professores do Paraná, veja quem votou contra e a favor. NÂO ESQUEÇA estes nomes em 2018
E se um policial, durante uma manifestação pública contra a corrupção, oferecer-lhe flores... isto é...?????
Os 10 países que mais realizam cesáreas no mundo
As 10 marcas mais respeitadas do mundo 2015
As 10 cidades mais caras do mundo para namorar
Travesti séria e que não faz programa, de São Gonçalo, procura por namorado
Maite Schneider é a noiva de vermelho em desfile de luxo de Edson Eddel no Palácio do Batel
Sendo mais uma.. na luta pela PAZ no Trânsito na Ghost Bike para Alessandro Rüppel Silveira"O MAGOO"
Maite Schneider em palestra com Paulo Salamuni - fazendo uma retrospectiva à frente da Câmara de Vereadores de CTBA
Record Começa a Escalar Elenco de "Josué e a Terra Prometida", Saiba Como Fazer Seu Cadastro na Record!
CURITIBA - Oficina GRATIS - "As Emoções do Ator", com Maurice Durozier do Théâtre du Soleil
De 15 a 24 de maio em Curitiba... oficinas GRATIS de artesanato na FEIARTE.. Venha participar!!
Várias aulas grátis de YOGA em Curitiba.... venha participar
Grupo de Proteção Animal em Curitiba precisa de doação de remédio anti-pulgas Você pode ajudar?
As 10 cidades do mundo com maior concentração de pessoas muito ricas
Maite Schneider filia-se ao Partido Verde Paraná e é pré-candidata a vereadora em 2016
Curitiba lança aplicativo inédito de testagem para o HIV e você pede o teste em casa e faz sozinho
10 livros de Eduardo Galeano para baixar gratuitamente. Em Castelhano
Os 10 jogadores de futebol mais velozes da atualidade
Maite Schneider como você nunca viu.... Book especial - parte 37