Meu amigo comeu minha mulher

O fato que vou contar agora é mais uma das minhas aventuras com minha esposa. Somos realmente casados há dez anos e adoramos uma sacanagem gostosa, principalmente quando ela arrruma seus machos e me corneia. Vou relatar mais uma. No início desse ano recebemos um convite de um amigo nosso para passarmos o final de semana no sítio dele, o nome dele é Sérgio, ele tem 30 anos e tem uma namorada, a Simone, combinamos que iriamos nós quatro, eu e minha esposa Shirley, nosso amigo Sérgio e sua namorada Simone, sairíamos no sábado de manhã e retornaríamos na segunda-feira cedo. No sábado de manhã cedo cheguei na casa do Sérgio acompanhado da minha esposa Shirley, fomos recebidos por ele e perguntamos sobre a Simone, ele nos respondeu que os pais dela não queriam deixar ela ir o passeio com agente, que havia conversado com ela e que fossémos nós três na frente e que ela iria tentar ir depois, quando conseguisse despistar os seus pais.

Pegamos nosso carro e fomos os três na frente, eu e minha esposa Shirley e o nosso amigo Sérgio. Chegando no sítio desembarcamos, ascendemos a churrasqueira, abrimos uma cervejinha e comersamos a conversar, uma cervejinha aqui, outra acular e a conversa ía rolando as soltas, até que a Simone ligou pro Sérgio e disse que haviam chegado umas visitas na sua casa e que não iría poder comparecer no sítio, que nós três tomassem todas por ela, se divertissem que na próxima ela viria com agente. O Sérgio não se conteve, ficou triste, tentou ir embora mas nós aconselhamos ele á ficar e que talvez a Simone pudesse aparecer e ele resolveu ficar. Por volta das dez horas da noite, entre umas cervejas e outras, minha esposa já estava assanhada, falava no meu ouvido que queria rola mas não era a minha, que queria gozar em outro pau comigo bém pertinho, assistindo a tudo. Eu fiquei exitado na hora mas disse a ela que ali era quase impossível, só tinha eu, ela e o Sérgio e ela disse;.... Tem tudo pra dar certo, só estamos nós três, eu posso seduzir e dar em cima dele ? Eu respondi afirmativamente e ela começou as suas investidas. Estavámos sentados nós trés na varanda, eu e ela sentados um ao lado do outro e o Sérgio sentado na nossa frente, ela de saía e blusa, falou no meu ouvido que iría ao banheiro e iría retornar sem calcinha para provocar nosso amigo.

Quando ela voltou disse que estava com muito calor e em seguida pegou um jornal e mostrou uma matéria para eu ler, abri o jornal e ele cobriu toda a minha visão, enquanto eu lia o jornal, a minha mulher encostou a cabeça no meu ombro e abriu ao máximo suas pernas, deixando sua buceta visivél pro Sérgio ver, ele olhava pros lados, pra cima mas não conseguia tirar o olho da buceta da minha mulher, ela discaradamente colocou a mão sobre sua buceta e começou a acariciar, eu olhava por cima do jornal disfarçadamente e via que o Sérgio passava a mão sobre seu pau que já estava duro feito pedra. O clima estava alto e foi quando a cerveja acabou, eu sabendo das intenções da minha esposa me prontifiquei a ir buscar outras cervejas e deixar eles dois a sós, peguei o carro e uns vassilhames e fui comprar cervejas, quando voltei, deixei o carro na entrada do sítio e fui a pé, devagarinho pois já imaginava o que estava rolando entre os dois, fui por tráz da casa, dei a volta e fui pra varanda onde estavam os dois, por tráz da parede olhei disfarçadamente e vi o que esperava, minha mulher sentada em uma cadeira com as pernas abertas e o Sérgio sentado no chão, entre suas pernas, chupando sua buceta, fui me aproximando devagarinho até que eles me viram, o Sérgio ficou assustado mas minha esposa falou;.... Fique frio Sérgio, se você me jurar que não conta pra ninguém eu dou minha buceta pra você na frente do Jony, ele adora ser corno e gosta de ver outro macho me comendo, continua chupando minha buceta vai....... E assim Sérgio o fez, chupava a buceta da Shirley com gosto, ela retirou sua blusa e começou a acariciar seus seios, eu me sentei em uma cadeira, tirei meu pau pra fora e comecei a bater uma punheta, Sérgio subiu lambendo a barrriga da minha mulher até chegar nos seus seios, segurou os dois com as mãos e começou a chupá-los, ela não perdeu tempo, com suas mãos foi até a cintura do rapaz, baixou um pouco seu short, pegou seu pau e teve uma surpresa, era uma rola enorme, grande e grossa, dura, a cabeça era enorme, quando ela viu não resistiu, mandou o Sérgio ficar de pé e caiu de boca naquele pauzão, ela mal conseguia colocar ele todo na sua bouquinha mas chupava com sede, passava a língua em volta da cabeça e nas bolas depois engolia tudo, ele passou a meter na boca dela como se fosse em uma buceta, segurava ela pela cabeça e enfiava e tirava sua pica da boca dela até que ela falou;.... Sérgio não aguento mais, coloca uma camisinha e mete esse pau duro dentro da minha buceta... , e assim Sérgio fez, minha mulher sentada em uma cadeira de pernas abertas e ele metendo nela, enfiando tudo, ela gemia de tezão e dizia;.....

Me come Sérgio, me arromba, come minha buceta na frente desse corno, ele adora levar chifre..... Sérgio socava com força até que eles resolveram mudar de posição, eu sentado na cadeira batendo minha punheta, ela se ajoelhou no shão, ficou de quatro empinando a sua bundinha e começou a chupar meus peitos me batendo uma punheta, eu abri sua bunda e sua buceta, o Sérgio se ajoelhou por tráz da Shirley e enfiou tudo na buceta dela, ela olhava pra mim e dizia que estava gostoso demais e que me amava e eu delirava de tezão. Ele saiu de tráz dela e foi se sentar em uma cadeira, ela foi atráz dele e sentou em seu colo, com as costas para ele e de frente para mim, encaixou o pau em sua buceta e começou a pular em cima daquela rola subindo e descendo, eu sentei no chão bém pertinho, onde dava pra ver a rola dele entrando e saindo da buceta da minha mulher, não resisti e de vez enquanto eu chupava a buceta da minha mulher com a rola do Sérgio dentro dela, era uma delícia. Depois disso Sérgio foi até o banheiro, eu aproveitei e abri as pernas da minha mulher e comecei a chupar sua buceta, ele voltou, retirou a camisinha e deu seu pau para ela chupar, estava muito gostoso chupar aquela buceta vendo bém de pertinho a Shirley chupando aquele pauzão, em dado momento, ela retirou o pau dele da boca e me deu um beijo de língua dizendo;..... Amor, olha que pau gostoso ele tem, é uma delícia, me beija e sente o gosto dessa rola em minha boca.... Depois disso ela se levantou e ficou em pé enfrente a parede, jogou a bunda para tráz e dissse;.... Sérgio, vem aqui e mete nessa bundinha, mas mete com carinho para não doer, ta ? Põe devagarinho.... Eu peguei uma cadeira e coloquei ao lado dela, abri sua bunda e passei um creme hidratante em seu cuzinho, Sérgio se aproximou e eu peguei com minhas próprias mãos o pau dele e coloquei no cuzinho da minha mulher, o pau dele era muito grande e grosso e ela só aguentou a cabeça, mesmo assim ele ficou comendo o cu dela, enfiando só a cabeça em seu cuzinho e enfiando os dedos na buceta dela, ela delirava de tezão, olhava pra mim e dizia;.... Olha seu corno, aprende, ele estar comendo até meu cuzinho, ai, quero gozar...... Quando ele tirava o pau do cu dela dava pra ver o buraco que ficava, era enorme. Ela não aguentando mais disse que queria gozar e então resolvemos entrar dentro da casa e fomos até o quarto, ela se deitou na cama e ele foi por cima dela e meteu na sua buceta, ela louca pra gozar dizia;..... Mete essa pica dentro de mim meu macho, mete tudo com força, pula em cima de mim e me arromba na frente desse corno, me come e chupa meus peitos ao mesmo tempo que eu gozo na sua rola......

Sérgio metia forte e com força, ela gozou duas vezes mas ele não conseguia gozar, estava energético, ela não aguentava mais rola e foi então que ela se sentou na cama e ele ficou em pé na sua frente, ela retirou a camisinha do pau dele e começou a chupar, ele de olhos fechados metia sua rola na boca da minha mulher como se estivesse metendo em sua buceta, tinha hora que ela se engasgava com o pau dele todinho na sua boca, ele acelerou os movimentos e começou a gemer, ela percebendo que ele iría gozar tentou tirar o pau dele da boca mas ele segurou ela pelos cabelos e gozou um rio de esperma dentro da boca da minha mulher, o volume de esperma era táo grande que escorria pelo canto da boca caindo em cima dos seus seios, ele pediu desculpas a ela e foi pro banheiro tomar banho, quando ele saiu eu me aproximei da minha mulher e nos beijamos demoradamente, a boca dela ainda estava cheia de esperma do Sérgio, ela me beijava e perguntava;..... Tá sentindo o gosto do esperma dele amor ? Não é uma delicia ? Lambe o esperma que estar nos meus seios amor, a rola dele é muito gostosa......

Depois disso era minha vez de gozar, a Shirley chupou meu pau um pouco e depois abriu as pernas, eu punhetei meu pau um pouco, coloquei no rabo da Shirley e gozei enchendo seu cuzinho de esperma. No outro dia trepamos de novo mais essa história eu conto na próxima.

 

Opções de exibição de comentários

Escolha seu modo de exibição preferido e clique em "Salvar configurações" para ativar.

gostoso demais

gostoso demais

noss queria que meu marido

noss queria que meu marido me entregasse desse geito aii ,, seria a mulher mais feliz do mundooooo

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Linhas e parágrafos quebram automaticamente.

Mais informações sobre opções de formatação

ANTISPAM
Usamos este sistema para evitar spam dentro do Casa da Maite.
2 + 4 =
Resolva a simples operação matemática de soma acima e coloque o resultado. Por exemplo 1+ 3, digite 4